Segunda-Feira, 31 de Julho de 2017
Fonte:Tv Goiânia Band | Tv Goiânia Band

Ex-prefeito Paulo Garcia morre aos 58 anos após infarto

Sebastião Nogueira

 

O ex-prefeito de Goiânia Paulo Garcia morreu aos 58 anos de idade, no apartamento onde morava no Setor Bueno, em Goiânia. Ele acordou passando mal por volta das 4 horas da madrugada e avisou a mulher, que é médica, que estava tendo um infarto.
Sonora Tereza Beiler (ex-primeira dama de Goiânia ) ela disse que ele sentiu a dor e falou que estava infartando
Off2) Edilberto, que presidiu a Comurg na gestão passada, estava triste com  a morte do amigo, que pegou todos de surpresa. Ele contou que a ex-primeira dama, o irmao de Paulo Garcia, que mora no mesmo prédio e é cardiologista, e outros vizinhos também médicos tentaram reanimá-lo por cerca de uma hora. Mas Paulo Garcia nem chegou a ser levado ao Hospital.
Sonora Edilberto Dias (ex-presidente da Comurg) caiu no banheiro, chamou a Unimed e tentou a reanimação 
Off3) O velório reuniu familiares, amigos, vários políticos e servidores públicos no cemitério Jardim das Palmeiras. A mulher, o pai e o filho ficaram do lado do caixão. Em homenagem ao ex prefeito foram enviadas dezenas de coroas de flores, entre elas a do ex-presidente Lula. O prefeito Íris Rezende chegou no início da tarde e ficou por cerca de 15 minutos. Ele decretou luto oficial de três dias no município de Goiânia. O governador Marconi Perillo repetiu o gesto no estado. Ele participou da missa de corpo presente e falou sobre o legado que Paulo Garcia deixou para a cidade de Goiânia. 
Sonora governador Marconi Perillo 
Off4) O vereador Romário Policarpo avaliou que Paulo Garcia prestou uma grande contribuição para a Guarda Civil Metropolitana. 
Sonora Romário Policarpo
Passagem 
Paulo Garcia era neurocirurgiao. Depois de deixar o comando da Prefeitura de Goiânia , no fim do ano passado, assumiu o cargo de diretor de planejamento do Hospital das Clínicas da UFG. Ele voltou de uma viagem com a mulher na última sexta-feira para o Ceará e segundo ela ele estava bem de saúde. 
Sonora Tereza Beiler (melhor momento da vida, estava feliz) 
Sonora  deputada estadual Adriana Accorsi (fumava e tem o fator genético)
Off5 ) O enterro foi as 5 horas da tarde  também Jardim das Palmeiras. Sobre o caixao carregado pelos guardas civis foram colocadas as bandeiras da prefeitura de Goiania e da UFG. 
Sobe som 
Paulo Garcia nasceu em Goiânia, se formou em Medicina pela UFG, onde foi professor e também presidiu a Unimed. A vida académica deu origem à militância política. Foi secretário de organizacao do PT municipal e suplente de vereador em 2000 e deputado estadual de Goiás de 2002 a 2006. Ele se elegeu vice-prefeito na chapa com Iris Rezende em outubro de 2008. Em abril de 2010, assumiu a Prefeitura da capital após a renúncia de Iris para disputar as eleições para o governo do estado e foi reeleito em 2012 no primeiro turno com mais de 57 por cento dos votos válidos.

O ex-prefeito de Goiânia Paulo Garcia morreu aos 58 anos de idade, no apartamento onde morava no Setor Bueno, em Goiânia. Ele acordou passando mal por volta das 4 horas da madrugada e avisou a mulher, que é médica, que estava tendo um infarto.

Edilberto, que presidiu a Comurg na gestão passada, estava triste com  a morte do amigo, que pegou todos de surpresa. Ele contou que a ex-primeira dama, o irmão de Paulo Garcia, que mora no mesmo prédio e é cardiologista, e outros vizinhos também médicos tentaram reanimá-lo por cerca de uma hora. Mas Paulo Garcia nem chegou a ser levado ao Hospital.

O velório reuniu familiares, amigos, vários políticos e servidores públicos no cemitério Jardim das Palmeiras. A mulher, o pai e o filho ficaram do lado do caixão. Em homenagem ao ex prefeito foram enviadas dezenas de coroas de flores, entre elas a do ex-presidente Lula. O prefeito Íris Rezende chegou no início da tarde e ficou por cerca de 15 minutos. Ele decretou luto oficial de três dias no município de Goiânia. O governador Marconi Perillo repetiu o gesto no estado. Ele participou da missa de corpo presente e falou sobre o legado que Paulo Garcia deixou para a cidade de Goiânia. 

Paulo Garcia era neurocirurgiao. Depois de deixar o comando da Prefeitura de Goiânia , no fim do ano passado, assumiu o cargo de diretor de planejamento do Hospital das Clínicas da UFG. Ele voltou de uma viagem com a mulher na última sexta-feira para o Ceará e segundo ela ele estava bem de saúde. 

O enterro foi as 5 horas da tarde  também no Jardim das Palmeiras. Sobre o caixão carregado pelos guardas civis foram colocadas as bandeiras da prefeitura de Goiania e da UFG. 

Paulo Garcia nasceu em Goiânia, se formou em Medicina pela UFG, onde foi professor e também presidiu a Unimed. A vida académica deu origem à militância política. Foi secretário de organizacao do PT municipal e suplente de vereador em 2000 e deputado estadual de Goiás de 2002 a 2006. Ele se elegeu vice-prefeito na chapa com Iris Rezende em outubro de 2008. Em abril de 2010, assumiu a Prefeitura da capital após a renúncia de Iris para disputar as eleições para o governo do estado e foi reeleito em 2012 no primeiro turno com mais de 57 por cento dos votos válidos.

 


Copyright © 2013 Rede Goiânia de Rádio e Televisão Ltda - tvgoiania.com.br. Todos os direitos reservados. Tel: 62 32408200